Realização de lucros puxa queda na Bovespa em dia de resultados positivos

A Bolsa de Valores de São Paulo opera em queda nesta sexta-feira, dia de divulgação de dados positivos da economia do Brasil e dos EUA. O noticiário positivo, porém, não conseguiu sustentar a valorização dos mercados, que operam em movimento de realização de lucros.  

 

Dentre os destaques do dia, o mercado de trabalho norte-americano criou em fevereiro 192 mil vagas, o maior nível desde maio do ano passado. O aumento do número de postos fez com que a taxa de desemprego encurtasse no período, de 9% para 8,9%.

 

Além disso, os pedidos às fábricas do país avançaram 3,1% em janeiro, a maior alta desde setembro de 2006, informou nesta sexta-feira o Departamento de Comércio do país. O resultado veio muito acima do esperado, de +2%. Excluindo transportes, os pedidos avançaram 0,7% no período.

 

No Brasil, o Índice de Preços ao Consumidor Amplo (IPCA) teve variação de 0,80% em fevereiro, resultado inferior ao de janeiro (0,83%). Com isso, o índice acumulado no ano é de 1,64%, acima da taxa de 1,54% relativa a igual período de 2010. Considerando os últimos 12 meses, situou-se em 6,01%, próximo dos 12 meses imediatamente anteriores (5,99%). Em fevereiro de 2010, a taxa havia ficado em 0,78%.

 

Já os índices regionais da produção industrial mostraram crescimento em sete dos quatorze locais pesquisados pelo IBGE, com destaque para os avanços mais acentuados vindos do Espírito Santo (9,4%), após acumular perda de 6,4% nos dois últimos meses, e do Paraná (9,0%), que recuou 2,5% em dezembro. As demais taxas positivas foram observadas nos seguintes locais: Bahia (2,0%), Ceará (1,4%), Amazonas (0,8%), São Paulo (0,7%) e região Nordeste (0,1%). Por outro lado, Goiás (-4,6%), Pará (-4,1%), Rio de Janeiro e Rio Grande do Sul (ambos com -2,3%), Pernambuco (-1,6%), Minas Gerais (-1,2%) e Santa Catarina (-0,4%) tiveram queda na produção entre dezembro e janeiro.

 

Outro indicador importante, o Índice Nacional da Construção Civil (Sinapi), calculado pelo IBGE em convênio com a CAIXA, apresentou variação de 0,39% em fevereiro, avançando 0,12 ponto percentual em relação a janeiro (0,27%). Comparando com a taxa de fevereiro de 2010 (0,43), o ídice atual é menor. O acumulado nos dois primeiros meses do ano ficou em 0,66%, inferior ao verificado no mesmo período do ano anterior (0,86%). Nos últimos doze meses, a taxa de variação foi de 7,15%, abaixo dos 7,20% registrados nos doze meses imediatamente anteriores.

 

Destaque ainda para o Índice Geral de Preços – Disponibilidade Interna (IGP-DI), que variou 0,96%, em fevereiro. A variação registrada em janeiro foi de 0,98%.

 

Neste momento, a Bovespa recua 0,70%, aos 67669 pontos. Veja gráfico abaixo:

 

 

 



Fonte: Enfoque Informações Financeiras

Recebido em:
04/03/2011 12:37:41

HeadLines Enfoque
Copr 2007 Enfoque Informações Financeiras

VN:F [1.9.22_1171]
Rating: 0.0/5 (0 votes cast)